Dicas de SEO para seu site ou loja virtual

SEO não é publicidade, mas ainda custa tempo e dinheiro. Se você está com pouco tempo, porém tem o dinheiro, uma agência de SEO ou um consultor é uma excelente opção após a criação de site de sua empresa. Caso você não queira fazer isso sozinho, você pode procurar por um Freelance Web Designer. Mas, se você estiver com pouco dinheiro, use essas dicas de SEO do tipo “faça você mesmo” para melhorar seus resultados orgânicos.

Pesquisa de palavras-chave 

Comece sempre com uma pesquisa de palavras-chave. Não acredite que você já sabe tudo o que os consumidores querem com exatidão, pois provavelmente você entende apenas uma parte sobre o seu nicho de mercado, mas seus clientes em potencial podem usar termos diferentes para se referirem a seus serviços ou produtos.

A pesquisa de palavras-chave fornece uma compreensão das palavras e frases que os consumidores utilizam para encontrar seus produtos e também ajuda a avaliar a demanda por eles. A pesquisa identifica os termos de palavras-chave que os usuários reais usam em suas consultas nos mecanismos de busca.

As melhores ferramentas de palavras-chave oferecem uma pontuação de demanda quantitativa que ajuda a determinar o valor relativo na segmentação de cada tema de palavra-chave. O Planejador de palavras-chave do Google é a principal ferramenta de pesquisa de palavras-chave, embora você precise de uma campanha ativa dos Anúncios do Google (antigo Google AdWords) para obter os dados mais úteis.

As ferramentas de pesquisa de palavras-chave que não são do Google incluem Übersuggest, e SEMrush

Entenda o seu site e pesquise os concorrentes

Pesquise os produtos e serviços mais importantes que você oferece e observe os concorrentes melhores ranqueados nos resultados de pesquisa. Analise os que compartilham um modelo de negócio semelhante ao seu e os que são diferentes, mas que concorrem às mesmas buscas.

  • O que eles estão fazendo bem?
  • Qual é o conteúdo que você tem em falta em seu site?
  • Eles estruturam o site de maneira diferente para segmentar as palavras-chave mais valiosas?
  • Quais recursos eles utilizam para melhor envolver seus clientes em potencial?

Além disso, estude as suas avaliações e as avaliações dos concorrentes e faça um benchmark das atividades nas redes sociais para saber o que os clientes pensam sobre os produtos deles ou talvez alguma menção aos seus produtos.

Planeje seu site ou o seu ecommerce

Compreendendo o que os clientes desejam e as palavras-chave que utilizam para encontrar os produtos e serviços, identifique as páginas de sua loja virtual para abordar esses termos de pesquisa.

Cada palavra-chave de alta e média prioridade de sua pesquisa de palavras-chave deve ter uma página correspondente para otimizar seu site.

Use termos de palavras-chave de cauda longa nos posts e páginas de FAQ que geram menos pesquisas e normalmente são muito mais específicos, como por exemplo “como tirar vinho tinto do tapete” ou “onde comprar caixotes de madeira”.

Otimize seu site ou loja virtual

O próximo passo é criar as páginas. Esta é a parte difícil. É necessário utilizar uma plataforma de ecommerce completa e de um trabalho de desenvolvedores e designers, talvez seja necessário terceirizar parte desse trabalho.

É imprescindível oferecer ao seu cliente um website ou loja virtual responsiva para atender a crescente demanda  de usuários de smartphones e tablets. Um site otimizado para celular é importante por dois motivos: primeiro, segundo o Google, mais da metade das buscas vêm de smartphones, por isso, certifique-se de que a experiência desses usuários seja perfeita e envolvente.

Em segundo lugar, o Google agora classifica todos os resultados de pesquisa orgânica para computadores e dispositivos móveis, com base na experiência mobile de um site ou loja virtual, incluindo a velocidade da página.

Produza Conteúdo Regularmente

Você não precisa criar um blog e transformar sua empresa em uma editora postando conteúdo todos os dias, pelo principal motivo que o foco da sua loja virtual é vender. Mas, publique  seu próprio conteúdo regularmente. Agende atualizações semanais ou pelo menos mensais, para ter consistência, pois isso é fundamental.

O conteúdo não precisa ser somente o texto. Por exemplo, uma empresa de arquitetura poderia publicar fotografias de seus projetos com descrições curtas. Corretores de imóveis podem publicar vídeos semanais com os seus lançamentos. O objetivo é criar conteúdo relacionado ao que o seu público alvo irá consumir.

Relações Públicas

A autoridade do link é um componente importante do SEO, mas a compra de links é proibida pelo Google, Bing e outros mecanismos de busca.

O Google recomenda que os lojistas criem lojas virtuais atraentes para que os usuários tenham uma ótima experiência de usuário e que possam contar para tirar dúvidas. Esta abordagem de conteúdo frequente para SEO é a resposta do Google para a pergunta: como obter mais links eticamente?

O conteúdo que você produz deve ser direcionado para diferentes segmentos de mídia ou blogs.

As publicações em locais diferentes renovam a comunicação da sua empresa, já que ela atingirá públicos diferentes, com abordagens diferentes, o que é um incentivo para eles se conectarem a loja ou até mesmo escrever sobre a sua loja, produtos e/ou serviços.

Construa a imagem de sua empresa nas redes sociais

Participe do Twitter e de uma ou pelo menos duas outras redes sociais. Você tem muitas opções como, Facebook, LinkedIn, Instagram, Pinterest entre outras. A rede social permite que você se conecte com seus clientes em potencial e ofereça mais conteúdo para o seu público-alvo.

Compreender e nutrir essas relações impulsiona o seu SEO a longo prazo, pois aumentando a exposição do seu conteúdo, também aumentará a probabilidade de que alguns desses usuários escrevam sobre ele ou criem um link para ele em suas páginas.

Entenda o Google Analytics

Você não pode otimizar o que não consegue medir. A importância da análise no marketing digital é semelhante aos relatórios financeiros nos negócios. Ambos são essenciais para acompanhar o desempenho de sua empresa.

Tenha uma noção básica do Google Analytics ou qualquer outro programa de análise de dados e visitas em sua loja. No Google Analytics, estude os relatórios em Aquisição> Todo o tráfego> Canais. Ao clicar em “Pesquisa orgânica”, você poderá analisar o desempenho de suas estratégias de SEO.

Leia blogs sobre SEO

Estude um guia de SEO e assine um blogs de SEO, como os exemplos abaixo:

  • Guias de SEO para iniciantes úteis e gratuitos incluem o ” Guia para iniciantes em SEO”, do Mozilla , ” Guia para SEO ” do Search Engine Land e o ” Guia para iniciantes em otimização de mecanismos de busca ” do Google .
  • Para obter atualizações rápidas sobre alterações de SEO, experimente dois canais do YouTube: ” Whiteboard Friday” e ” Google Webmasters ” da Moz .

Faça perguntas e tire suas dúvidas sobre SEO

Se você está com dúvidas sobre o tema, entre nas comunidades de SEO para fazer perguntas. O Fórum de webmasters do Google oferece a maior comunidade de SEO da internet.

Outras boas opções são o Fórum WebmasterWorld , Q & A Forum de Moz , Search Engine Roundtable , e Search Engine Watch Fórum .

Caso tenha alguma dúvida ou deseja se aprofundar na estratégia de SEO para loja virtual, a NOXVOX conta com uma equipe especializada para fazer sua loja vender mais e se posicionar nos mecanismos de busca. Entre em contato e saiba mais.